RESILIÊNCIA EM VENDAS

Se você é da área de vendas, provavelmente já escutou que ser resiliente é um dos principais requisitos para ser um vendedor. Talvez você ainda não tenha compreendido exatamente o motivo dessa afirmação e quero dizer de uma maneira bem direta: é que vendedores escutam muitos “nãos” o tempo inteiro. Eles precisam se reerguer depois de respostas negativas, não deixar que elas os desanimem e partir para a próxima tentativa, a próxima estratégia, o próximo cliente, até receber um “sim”.

A definição mais comum de resiliência é a capacidade de se recuperar após uma adversidade, voltar à sua forma original depois de sofrer um impacto. A adversidade na vida de um vendedor é a rejeição, é dedicar tempo e esforço numa estratégia e não concretizar a venda.

Quero explicar um pouco mais como e por que é importante ter resiliência em vendas. Continue lendo.

Por que ser resiliente

Para ficar mais clara a importância da resiliência no dia a dia de um vendedor, é necessário olhar para os impactos que essa habilidade pode ter no desempenho de alguém.

Para começar, uma pessoa resiliente é mais apta a tomar decisões assertivas, já que consegue analisar situações adversas e tirar aprendizados delas. Por exemplo, ao receber uma negativa de um potencial cliente, o vendedor avalia a situação, faz uma autocrítica e identifica pontos de melhoria, decidindo rapidamente qual o próximo passo a tomar.

Outro ponto importante é que o vendedor resiliente é faminto por melhoria! A resiliência é a marca registrada de quem está em busca constante por evolução, sem desistir, mesmo quando os resultados não acontecem conforme o programado. Na verdade, para o resiliente, cada meta não batida é uma oportunidade real de entender como aprimorar as estratégias para um melhor desempenho.

Além disso, a resiliência em vendas acaba produzindo mais autoconfiança, mais preparo, inclusive para prosseguir e se adaptar em negociações difíceis.

Como ser resiliente em vendas

Excelente notícia para você: a resiliência é uma habilidade que pode ser treinada, aprendida e desenvolvida. O primeiro passo e um dos mais importantes consiste na mudança de mentalidade. Quem foca na dificuldade, colhe problema. Quem foca em solução, colhe venda. O vendedor negativo que sempre traça em sua mente, os piores cenários quando vai conversar com um potencial cliente, terá grandes chances de vê-los realmente se concretizando. Já aquele vendedor positivo que encara cada desafio como uma nova chance de obter sucesso, tem atitudes mais positivas, assertivas, valorosas para o cliente e aproveita melhor cada situação.

Outro passo importante é decidir para onde direcionar os esforços. Persistir não significa repetir as mesmas ações e comportamentos, então é fundamental identificar que mudanças significativas precisam ser feitas para obter resultados diferentes e canalizar o foco nessa direção. Uma boa estratégia é listar que ações podem ser tomadas para reverter situações adversas, o que é necessário aprender para mudar os resultados e quem tem conhecimento para ajudar nessa tarefa.

Se depois de ler sobre a importância da resiliência em vendas, percebe que você ou sua equipe precisa desenvolver melhor essa habilidade, entre em contato comigo para saber mais sobre treinamentos, palestras e mentorias.

Comentários

comentários

Post A Comment